1.974

 

Mensagem do Espírito Winston Churchill.......por Louren Junior

 

Winston Churchill Medalha Nobel
Winston Churchill
Primeiro-ministro do Reino Unido

 

 

Aprofundado dos mais lídimos desejos e das mais lídimas aspirações, o estudo do Evangelho tem propiciado ao homem a oportunidade de não só desenvolverem seus talentos, como o compreende-lo na forma justa e correta a que se propõem.

 

Não é um mero compilado de dados e fatos esparsamente perpetuados – é a condição primeira e irreversível de princípios e propositos, que vai de encontro às criaturas, que de maior ou menor brilho, possuidora de alma imortal, aquilata e acumula as suas expensas, o seu futuro e o seu destino.

 

 Espírito Winston Churchill  - Estadista Inglês.......por Louren Junior

 

Depth of more lídimos most legitimate desires and aspirations, the study of the Gospel has provided man the opportunity to not only develop their talents, as we understand it in a fair and proper that they propose.

Not a mere facts and figures compiled from sparsely perpetuated - the condition is irreversible and first principles and purposes that meets the creatures, which more or less brightness, possessor of an immortal soul, estimate and accumulate their own expense, the their future and destiny.


Espírito Wiston Churchill - English statesman.
..........por Louren Junior

 

Sir Winston Leonard Spencer-Churchill (Oxfordshire, 30 de Novembro de 1874Londres, 24 de Janeiro de 1965) foi um estadista, escritor, jornalista, orador e historiador britânico, famoso principalmente por sua atuação como primeiro-ministro do Reino Unido durante a Segunda Guerra Mundial.

 Biografia

Filho de Lorde Randolph Spencer-Churchill e da socialite norte-americana Jennie Jerome, neto do sétimo duque de Marlborough e do terceiro marquês de Londonderry.

Em 10 de maio de 1940, Churchill chegou ao cargo de Primeiro-Ministro britânico, contando 65 anos de idade. Seus discursos memoráveis, conclamando o povo britânico à resistência e sua crescente aproximação com o então presidente americano Franklin Delano Roosevelt, visando a que os Estados Unidos da América ingressassem definitivamente na guerra, foram essenciais para o êxito dos aliados. O exemplo de Churchill e sua incendiária oratória permitiram-lhe manter a coesão espiritual do povo britânico nas horas de prova suprema que significaram os bombardeios sistemáticos da Alemanha sobre Londres e outras cidades do Reino Unido.

 

Apesar da vitória na Segunda Guerra em 1945, os conservadores de Churchill perderam as eleições para os trabalhistas, liderados por Clement Attlee, deixando assim o cargo de Primeiro-Ministro. Em 1951, em razão de vitória por ampla maioria dos conservadores nas eleições daquele ano, Churchill voltou ao cargo de Primeiro-Ministro; tinha então 76 anos de idade.

 

Recebeu o Nobel de Literatura de 1953, por suas memórias de guerra (cinco volumes, também disponível nas livrarias em versão condensada, em volume único) e seu trabalho literário e jornalístico, anterior aos tempos de Premier. Na ocasião, ele foi saudado como o maior dos ingleses vivo. Foi o primeiro a cunhar o termo "cortina de ferro" para ilustrar a separação entre a Europa comunista e a ocidental.

Em primeiro de março de 1955, Churchill proferiu seu último discurso na Câmara dos Comuns como Chefe de Governo, intitulado “Jamais Desesperar” anunciando a sua renúncia ao mandato de Primeiro-Ministro, não sem antes alertar o mundo, mais uma vez, para o risco de guerra nuclear. Depois, continuou na Câmara dos Comuns até pouco tempo antes de falecer. Nos últimos anos de vida parlamentar, teve atuação discreta, proferindo discursos apenas ocasionalmente.

Em 21 de junho de 1955 foi inaugurada pela prefeitura de Londres a estátua de Churchill com a presença dele próprio. Em 1963, aos 89 anos, foi homenageado com o título de Cidadão Honorário dos Estados Unidos pelo então presidente John Kennedy. Não podendo receber a homenagem em Washington em razão de estado de saúde precário, foi representado pelo seu filho Randolph.

________________________________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ao meu querido, esposo, filhos e netos,

 

Sentindo a proximidade de todos e a dificuldade própria da comunicação após meu desenlace, quero testemunhar como a todos que ora me circundam, a imortalidade d’alma.

 

Sei que a princípio, esse meu desejo de trazer-lhes a verdade, será tomado com alguma reserva, mas podem crer que é meu espírito que vos escreve, ou melhor, que transfere meu pensamento ajudado pela sabedoria e a caridade de orientadores iluminados.

 

Dupla foi minha felicidade, primeiro pôr ter sido recebida no plano espiritual, depois de muitas duvida e esclarecimentos, pôr aquela que na última encarnação foi minha genitora e amiga, e que continua como dantes atenciosa e meiga para com todos, filhos e netos..., e meu sobrimho  Lourenço é testemunho de seu carinho para com todos. Segundo pôr rever parentes e amigos, que há muito neste outro plano da vida empenham-se na busca pelo próprio burilamento e pôr um mundo progressista e agradável.

 

A todo o instante uma nova e feliz surpresa pareço aguardar, e dentre todas, uma que gostaria de perpetuar, a das crianças ofertando-me lindas flores, na maioria órfãos quando no plano físico e que auxiliadas pela sobrinha Leonor, colaboram no atendimento aos necessitados.

 

Que este meu esclarecimento e palavras possam calar fundo nos corações de meus companheiros de Doutrina, que também como eu poderão antever um futuro promissor e realisticamente cristão. Abençôo a todos, filhos e netos e compartilho da saudade do esposo corajoso.

Nota: Aos companheiros de Doutrina que o espírito refere-se, não é da Doutrina Espírita, mas de uma Doutrina atuante no Brasil, cujo esposo desencarnado em 1.983, foi um dos seus colaboradores mais ativo.

 

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!