Tratamento - Mensagem ditada pelo Espírito Matias Albuquerque.....por Louren Junior

 

Tratamento – Mensagem ditada pelo Espírito Matias Albuquerque....colaboração Louren Junior

 

- Você conhece algum caso de alguém que se coloca em atividade de amor ao próximo, se dedicando ao estudo que não tenha crescido espiritualmente?

“Não há sentido em descartar opiniões em contrario e conviver somente com quem adota nossas convicções.”

Não é lícito que à medida que vamos formando nossas convicções sobre questões importantes, vamos também criando uma espécie de isolamento, onde possamos nem sequer avaliar a opinião alheia, de tão certo que nos julgamos. Isso nos parece muito perigoso, pois nos coloca numa zona de conforto, onde aparentemente somos auto-suficientes e tudo pode ser equacionado com nosso ponto de vista. Mas, nos tira a possibilidade para questionamentos e mudanças.

.......Espirito Matias Albuquerque....colaboração Louren Junior
 

Jesus recomendou a reconciliação com os inimigos, enquanto estivermos com eles a caminho, nos Evangelhos de Mateus (5:20-26) e Lucas (12:54-59), não somente “objetivando apaziguar as discórdias no curso da nossa atual existência; (...) mas, principalmente, para que elas se não perpetuem nas existências futuras.” Allan Kardec prossegue, em “O Evangelho Segundo o Espiritismo”, explicando que: “(...) Importa, conseguintemente, do ponto de vista da tranqüilidade futura, que cada um repare, quanto antes, os agravos que haja causado ao seu próximo, que perdoe aos seus inimigos, a fim de que, antes que a morte lhe chegue, esteja apagado qualquer motivo de dissensão, toda causa fundada de ulterior animosidade. Por essa forma, de um inimigo encarniçado neste mundo se pode fazer um amigo no outro; pelo menos, o que assim procede põe de seu lado o bom direito e Deus não consente que aquele que perdoou sofra qualquer vingança.”Assim, de nossa parte, ao perdoar, já nos reconciliamos com aquele que nos parece adversário, evitando futuras obsessões.

Outro motivo seria a compreensão de que nós mesmos também cometemos erros e precisamos da indulgência alheia para com nossas faltas, conforme comentário de Kardec a respeito das características do homem de bem, à questão 918 de “O Livro dos Espíritos”.

 

Caracteres do homem de bem

 

Livro dos Espíritos - 918. Por que indícios se podem reconhecer em um homem o progresso real que lhe elevará o Espírito na hierarquia espírita?

“O espírito prova a sua elevação, quando todos os atos de sua vida corporal representam a prática da lei de Deus e quando antecipadamente compreende a vida espiritual.”

http://2.bp.blogspot.com/_pzk9qAJMHdU/Sw8Elw_NvKI/AAAAAAAAAF4/e4NPNvP4uno/s1600/reconciliacao.jpg

 

Tratamento - Mensagem ditada pelo espírito Matias Albuquerque.....por Louren Junior

 
 
     

Quando Allan Kardec, estabeleceu “que fora da caridade não há salvação” exprimiu toda a base para que se instalasse o progresso, a fraternidade, a alegria, a paz no campo das relações humanas.

 

Assim quando nos mobilizamos, movimentamos nossas energias íntimas, propiciando para que todos, alcancem suas realizações para as quais renasceram.

 

Quando assumimos a postura moral espiritista, não nos caberá abrir mão das convicções e dos trabalhos nossos por temer opiniões de opositores, condenações ou mesmo perseguições por parte de almas apequenadas por preconceitos.

 

Não é lícito que à medida que vamos formando nossas convicções sobre questões importantes, vamos também criando uma espécie de isolamento, onde possamos nem sequer avaliar a opinião alheia, de tão certo que nos julgamos. Isso nos parece muito perigoso, pois nos coloca numa zona de conforto, onde aparentemente somos auto-suficientes e tudo pode ser equacionado com nosso ponto de vista. Mas, nos tira a possibilidade para questionamentos e mudanças.

 

O problema fica pior quando passamos a ser hostis ou desrespeitosos com pontos de vista diferentes.

 

Allan Kardec sempre exortou o contrario, nunca fechou questão sobre o fim dos ensinamentos que seriam naturalmente enviados pelos Espíritos, pois o mundo necessita continuar evoluindo em todos os aspectos.

 

Dessa maneira é muito mais fácil entender que toda intolerância com o próximo baseado em discordância de opinião é insensata.

 

“Não há sentido em descartar opiniões em contrario e conviver somente com quem adota nossas convicções.”

 

São caminhos diferentes daqueles que optamos.

 

As provocações são próprias daqueles apoquentados fora de sintonia.

 

As frustrações vêm da indiferença dispensada no trato a espiritualidade., a sua beleza será até mesmo assunto para nossos devaneios.

 

Retarda nosso crescimento, adia possibilidades maravilhosas de sanarmos nossas deficiências e conhecermos pessoas interessantes que poderiam ajudar muito.

 

Na grandiosidade Infinita do Universo o seu Criador, nosso protetor (anjo guardião), e nós se diferenciamos sobremaneira...

 

Os Espíritos através de Kardec, deixaram bem esclarecido que os Espíritos Guias que podem serem chamados mentores, têm a missão de proteger e ajudar os encarnados através de seus caminhos, aconselhando e consolando seu o protegido, daí serem chamados de “anjos guardiões.

 

Não há como confundir o lugar que nos cabe, está bem delineado, a mínima distorção coloca-nos em situações embaraçosas.

 

Essa independência e responsabilidade, com a seleção do material nutritivo da nossa fé, pelos filtros da razão, equivalem à ação do amor que liberta.

 

Cultivemos a brandura, é o antídoto da prepotência.

 

 

Semeemos concórdia, é o soro das desavenças.

 

Entreguemo-nos as articulações beneméritas, trazem alívio.

 

Mostremos nossa capacidade de amar e progredir.

 

Capitalizemos boas ações, o bom proceder acumula riquezas.

 

Confortemos os necessitados, sem exigir-lhes mudança imediata, ajude-os a serem independentes.

 

Respeitemos as idéias e opiniões de quantos pretende auxiliar.

 

Entenderemos as disposições dos que crêem diferentemente de nós, dos que assumem viciações e descompassos morais de aspectos diversos, pois tratar-se-á de escolha individual, ainda que mal direcionados.

 

Nunca coloquem seus pontos de vista, subordinados a prestação de serviços.

 

Sejam respeitosos e discretos, quando atendendo o sofrimento alheio.

 

Amparemos sem alardear superioridade.

 

Compreendamos que todos somos necessitados, diante de Deus e diante dos outros.

 

Poupemos esforços desnecessários, sua utilidade virá no curso da existência.

 

Confiem desmedidamente, naqueles que tem por missão velar pêlos projetos terrenos.

 

As comunidades caminham, sem se importarem com os desavisados, eles terão que caminhar juntos.

 

Nunca ficou tão perto o despertar do mundo.

 

No concerto universal, gozará dos benefícios, aqueles que se apresentarem e se aperceberem de um entendimento maior. Desatem vossos pensamentos, coloque-os sobre o alicerce da esperança.

 

Produzam gentilezas.

 

Acenem solidariedade.

 

O tratamento adequado, quando aplicado nas varias situações cotidianas, assume sempre em nova coloração, novas disposições em benefício geral.

 

Através da Prece, da Bondade, do Agrado estaremos afinando nossos instrumentos e assim promovendo o Bem.

 

É hora de abrirmos o coração para mudanças, para o diferente, para o contraditório, com respeito à sabedoria.

 

Aproveitemos das nossas fraquezas como de tantas portas abertas que dão acesso ao nosso Espírito, para com nossa vontade implantarmos o Bem.

 

Em todos os desafios, cultive a misericórdia, recordando que do apoio e compreensão, quando hoje auxiliamos, amanhã poderemos ser auxiliados

 

http://lourenjunior.webnode.com.br/livro-espirita/sumario/tratamento/

Tratamento - Mensagem ditada pelo Espírito Matias Albuqueque.....colaboração Lourren Junior