VISITA A ESCEMA - Escola de Cegos de S. Luis - Maranhão - BRASIL

25/09/2015 15:49

VISITA A ESCEMA – Escola de Cegos – S. Luis-  MaranhãoBRASIL.

 

No dia 25 de Setembro de 2015, estivemos em visita a ESCEMA – Escola de Cegos de São Luis – Maranhão.

 

Foto: Momento da visita - Lourenço Rendesi Junior, Sra. Socorro Muniz Trancoso e Funcionarios.

 

Na ocasião fomos recebidos pela Secretária Sra. Regina e por funcionários. E nos deparamos com um momento de rara felicidade, na hora da visita estava sendo oferecido aos alunos deficientes visuais através da Sra. Socorro Muniz Trancoso aniversariante do dia guloseimas, bolo, refrigerantes típico mesmo de uma agradável aproximação solidária. E aqui deixamos nossa admiração pelo gesto que se traduziu na descontração dos alunos e dos que estavam presentes.

 

 

Junto a essas pessoas, com sua acolhida cordial e hospitaleira, tivemos a sensibilidade de perceber, que podemos a cada momento reavaliar, nosso comportamento.

E, ressaltar a importância da consciência associativa e a conseqüente necessidade  de uma participação efetiva por parte de todos para a viabilização e a consolidação de nossos anseios comuns.

O contato com nossos irmãos deficientes visuais, sem favor algum nos proporciona momentos de “lucidez espiritual”, pois através da sua procura, encontramos um sentido, um ensinamento, uma lição de humildade.

Louren Junior

 

Foto: Aniversariante Sra. Socorro Muiniz Trancoso, alunos e funcionários.

 

Ao se ponderar sobre a inclusão de crianças com deficiência na rede regular de ensino no Maranhão é necessário uma análise no histórico de algumas ações pertinentes, que impulsionaram um movimento marcado por lutas e conquistas em pró de uma educação inclusiva. Mas devido à realidade econômica do Estado, caracterizado pelos piores índices de desenvolvimento humano decorrente do alto grau de pobreza de sua população, essas ações ficaram mais restritas a capital maranhense S. Luís. Deste modo, as primeiras iniciativas de atendimento a pessoa deficiente não se originou através de órgãos públicos, mas de instituições privadas que atendiam e atendem como no caso da ESCEMA. (Hoje com respaldo Público)

Foto: Aniversariante Sra. Socorro Muniz Trancoso ladeada pelas irmãs Zozima, Aparecida e Maria Léa.

 

Diante de ações educacionais direcionados aos deficientes visuais no Colégio Conceição de Maria em São Luís na década de 50. Ainda no âmbito privado, lembra-se da instalação de uma classe especial para cegos em 1964, que serviu anos mais tarde de base para a criação da Escola de Cegos do Maranhão (ESCEMA) no bairro do Bequimão, hoje localizado na Vila Luizão e atrelado ao poder público.
 

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!