BEBIDA e OBSESSÃO ANDAM JUNTAS² - Crônica.....por Louren JUnior.....coordenação Espírito Matias Albuquerque

10/02/2015 17:45

BEBIDA e OBSESSÃO ANDAM JUNTAS? – Crônica....por Louren Junior.....coordenação EspíritoMatias Albuquerque.ação Espírito Matias Albuquerque.

 

OBSESSÃO um dos mais delicados  fenômenos de que trata a DOUTRINA ESPÍRITA.

 

Pois está enraizada no cerne do comportamento humano, quando o Livre Arbítrio está como queiram desorientado, pois trata-se de influências alheias na maioria das vezes do Espírito em si.

 

Posto isso, a obsessão é um fenômeno que causa sofrimento demasiado, estando, assim, na raiz de grande parte das depressões, angústias e transtornos psicológicos.

 

O que é Obsessão?
A Obsessão é o domínio que alguns Espíritos adquirem sobre outros, quer encarnados ou desencarnados, provocando-lhes desequilíbrios psíquicos, emocionais e físicos É uma espécie de constrangimento moral de um indivíduo sobre outro. Pode ser de encarnado para encarnado, encarnado para desencarnado, desencarnado para encarnado e desencarnado para desencarnado. Essa influência negativa e irracional traz para as pessoas problemas diversos, o que as tornam enfermas da alma, necessitando de cuidados, como toda doença. Normalmente se faz tratamento das obsessões em centros espíritas kardecistas sérios.

 

Se a Obsessão é uma doença da alma, quais são seus sintomas?
A obsessão apresenta sintomas tais como: angústia, depressão, perturbação do sono (insônia ou pesadelos), mau humor, desinteresse pelo estudo ou pelo trabalho, isolamento social, pensamentos suicidas, desregramento sexual etc. Não se segue daí, que se conclua que todos os portadores desses sintomas estejam obsidiados. Há diversas outras causas, conhecidas da ciência médica, que podem provocar sintomatologia semelhante.

 

E como se pode tratar essa doença espiritual?
A obsessão, sendo uma doença da alma, deverá ser curada definitivamente com a melhoria do indivíduo no campo moral e intelectual. O Espiritismo (doutrina de Allan Kardec) oferece tratamento seguro para essas doenças, pois trata o problema abordando os dois lados da vida. Se for um Espírito desencarnado, ele será chamado por meio de evocações particulares, nas reuniões sérias de intercâmbio espiritual, para uma conversa e conscientização do mal que está praticando. Do lado do encarnado, se cuidará de tratar com a evangelização (moralização) e pela fluidoterapia (aplicação de passes), levando-o ao entendimento do que precisa fazer para libertar-se do mal.

 

Podemos ressaltar que as causas da obsessão são as seguintes:

.vingança de espíritos contra pessoas que lhes fizeram mal nesta reencarnação ou em outras reencarnações;

.Simples desejo de fazer os outros sofrerem, por ódio, inveja, covardia, pois o espírito inferior se compraz em fazer alguém infeliz.

.para usufruir dos mesmos condicionamentos que tinham quando na vida física, induzem os obsidiados a cometê-los (cigarro, drogas, sexo, etc)

.apegos às pessoas pelas quais tinham grandes paixões quando em vida;

.por interesses em destruir, desunir, dominar, provocar o mal, manter
distúrbios, partindo de espíritos inteligentes das hostes inferiores.


Allan Kardec salienta (A Gênese, pág. 305) que "Nos casos de obsessão grave, o obsidiado fica como que envolto e impregnado de um fluido pernicioso, que neutraliza a ação dos fluidos salutares e os repele..." Ainda nos orienta o Codificador (mesma obra, pág. 285), que "Sendo o perispírito dos encarnados de natureza idêntica à dos fluidos espirituais, ele os assimila com facilidade, como uma esponja se embebe de um líquido. Esses fluidos exercem sobre o perispírito uma ação tanto mais direta quando, por sua extensão e irradiação, o perispírito com eles se confunde. Atuando esses fluidos sobre o perispírito, este, a seu turno, reage sobre o organismo material com quem se acha em contato molecular. Se os eflúvios são de boa natureza, o corpo ressente uma impressão salutar; se são maus, a impressão é penosa. Se os eflúvios maus são permanentes e enérgicos, podem ocasionar desordens físicas; não é outra a causa de certas enfermidades". Daí a idéia de que "No conhecimento do perispírito está a chave de inúmeros problemas até hoje insolúveis". (Allan Kardec, O Livro dos Médiuns, cap. I)

 

A maneira mais consistente em demonstrar os seus efeitos, vamo-nos servir do exemplo abaixo:

Acessem o vídeo:

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!