NINGUÉM É DONO DA VERDADE! Mas está dentro do conhecimento que a DOUTRINA ESPÍRITA preconiza – Mensagem ditada pelo Espírito Matias Albuquerque....colaboração Louren Junior.

05/07/2013 11:26

NINGUÉM É DONO DA VERDADE!  Mas está dentro do conhecimento que a DOUTRINA ESPÍRITA preconiza – Mensagem ditada pelo Espírito Matias Albuquerque....colaboração Louren Junior.

 

 João 23 vai se tornar santo (O Papa Bom)- Segundo A Igreja Católica Romana

 

 João 23 exerceu o papel de liderança entre 1958 a 1963. Datas das cerimônias ainda não foram divulgadas pelo Vaticano

 

O seu pontificado, que durou menos de cinco anos, apresentou-o ao mundo como uma autêntica imagem de bom Pastor. Manso e atento, empreendedor e corajoso, simples e cordial, praticou cristãmente as obras de misericórdia corporais e espirituais, visitando os encarcerados e os doentes, recebendo homens de todas as nações e crenças e cultivando um extraordinário sentimento de paternidade para com todos. O seu magistério foi muito apreciado, sobretudo com as Encíclicas "Pacem in terris" e "Mater et magistra".

Convocou o Sínodo romano, instituiu uma Comissão para a revisão do Código de Direito Canônico e convocou o Concílio Ecumênico Vaticano II. Visitou muitas paróquias da Diocese de Roma, sobretudo as dos bairros mais novos. O povo viu nele um reflexo da bondade de Deus e chamou-o "o Papa da bondade". Sustentava-o um profundo espírito de oração, e a sua pessoa, iniciadora duma grande renovação na Igreja, irradiava a paz própria de quem confia sempre no Senhor. Faleceu na tarde do dia 3 de Junho de 1963.


2001 – Mensagem ditada pelo Espírito João XXIII Pontífice.....por Louren Junior

PAPA JOÃO XXIII

Qualquer ser inteligente, que professe qualquer religião ou doutrina, pode ser responsável pelo seu crescimento espiritual e das pessoas com que convive.

O mais importante, porém do que a crença que professe é a forma como entende e exerce sua atividade.

Como vê o próximo, o que pode aprender e crescer com ele, se compreende que é um espírito imortal, oriundo de um Deus Bondoso e Justo, que sem ele nada seriamos.

Desse Amor Maior, que vivemos, sentimos que pode nos realizar.

Que através dele possamos nos entender melhor.

Que nos ama.

Que também podemos amá-lo e não magoá-lo.

Desfrutar de sua misericórdia, corresponder aos seus desígnios.

Lutando decididamente para sanar nossas imperfeições.

Procurando compreende-lo melhor, através principalmente pela atividade que exerçamos no mundo terreno, nos revelando à nossa consciência a efêmera ilusão do mundo material que nos cerca.

Podendo propiciar aos nossos irmãos terrenos, o melhor em valores morais, em socorro humanitário, em incrementos a Paz e a Concórdia,

Num descortino maior da Grandeza Eterna!

Tomara possa acrescentar um pouco de tudo a minha evolução espiritual.

Espírito Ângelo Giuseppe - Papa João XXIII - Pontífice

 

Qualsiasi essere intelligente che professano alcuna religione o dottrina, possono essere responsabili per la loro crescita spirituale e le persone che vivono tra.
 
Più importante, però rispetto alla convinzione che professa di capire come e esercita la sua attività.
 
Come si fa a vedere all'altro, il che può imparare e crescere con essa, si capisce che è uno spirito immortale, da uno Kind Dio e Fair, which ci sarebbe nulla senza him.
 

Grande Amore questo, in cui viviamo, sentiamo che possiamo realizzare.
 
Per mezzo di lui possiamo capire meglio.
 
Chi ci ama.
 
Quello che anche lui l'amore e non faceva male.
 
Goditi la tua misericordia, corrispondono a loro disegni.
 
Combattere in modo decisivo a porre rimedio a nostre carenze.
 
Cercando di capire meglio, soprattutto attraverso l'attività che si esercitano nel terreno world nel rivelare alla nostra coscienza la fugace illusione del mondo materiale che ci circonda.
 
Può fornire alla nostra terra fratelli, l'ultimo dei valori morali in soccorso umanitario, in incrementi di pace e concordia,
 
Una migliore conoscenza di eterna grandezza!
 
Spero di aggiungere un po 'di tutto alla mia evoluzione

Spirituale.

Espírito Pontífice JOÃO XXIII

No caso que tratamos do Pontífice João XXIII, temos uma visão exata da dimensão dentro do contexto preconizado pela DOUTRINA ESPÍRITA.

Pela Mensagem ditada pelo Espírito Pontífice João XXIII pode se ter uma idéia da amplitude e alcance desse dimensionamento. A própria linguagem e a singeleza de sua postura demonstram seu grau de evolução.

A santidade é uma espécie de grau máximo na hierarquia dos homens, segundo a religião católica, que indica que o ser é iluminado, um intermediário entre as pessoas "comuns" e o Plano Divino. Segundo teólogos e especialistas, a santidade permite a cumplicidade dos seres humanos (fiéis) com o representante de Deus na Terra, diminuindo o assombro diante da superioridade do Criador, conferindo humanidade à transcendência. De modo análogo, outras religiões e filosofias têm seus "santos", mártires, missionários, iluminados, avatares ou intermediários, chegando, inclusive, a estabelecer entre eles certos degraus ou graus hierárquicos.

Para o Espiritismo, que não cultua santos, não prescreve hierarquias litúrgicas e, tampouco, acredita em milagres (já que as curas espirituais pertencem ao plano da relação com as energias), tais são reconhecidos como médiuns – atributo inerente à condição espiritual ("todos somos médiuns"). Todavia, nem todos possuem idêntica mediunidade, em razão das provas, expiações e missões a que nos achamos sujeitos, na esteira das encarnações. A mediunidade, que não é circunstância exclusiva e particular do Espiritismo, ocorre em todo e qualquer lugar, estabelecendo o intercâmbio entre o mundo espiritual e físico e, neste sentido, visa atender às necessidades e minimizar as dificuldades humanas. O traço distintivo entre os médiuns, sempre, é a sua moralidade, demonstrativa do alcance de patamares espirituais mais adiantados, a integração paulatina na obra divina.

Há, em verdade, uma "necessidade" dos indivíduos – mesmo em instituições e no movimento espírita – de "acercar-se" de santos ou protetores no curso da vida. Assim, por exemplo, determinados médiuns acabam sendo elevados à "categoria" de santos, pelos espíritas (simpatizantes ou adeptos) que não entendem ainda muito bem o conteúdo da proposta da Doutrina Espírita. E o fazem, é claro, sem maldade, mas por ingenuidade ou falta de estudo ou conhecimento, quando o médium está vivo ou após a sua morte, como ocorreu com Francisco Cândido Xavier.

Respeitando os adeptos de outras crenças e, até, os "quase-espíritas" (isto é, aqueles que no seio do movimento espírita agem como se houvesse santidade), devemos entender melhor a dinâmica da vida (material-espiritual) para aproximarmo-nos de Deus por nossa conduta mais espiritualizada, estudando a filosofia espírita e encarando a mediunidade como o exercício do amor e da fraternidade, laço de aproximação das criaturas entre si e com Deus. Sem santos, mas com (e como) homens de bem!

Acessem o video abaixo:


Acessem o Link abaixo - Mensagem original:

http://lourenjunior.webnode.com.br/news/ninguem-e-dono-da-verdade!-mas-esta-dentro-do-conhecimento-que-a-doutrina-espirita-preconiza-%E2%80%93-mensagem-ditada-pelo-espirito-matias-albuquerque-colabora%C3%A7%C3%A3o-louren-junior-/

NINGUÉM É DONO DA VERDADE!  Mas está dentro do conhecimento que a DOUTRINA ESPÍRITA preconiza – Mensagem ditada pelo Espírito Matias Albuquerque....colaboração Louren Junior.